Álamo Facó e Matheus Nachtergaele: solos a R$20 cada – Teatro em Cena
Plantão

Álamo Facó e Matheus Nachtergaele: solos a R$20 cada

Atores homenageiam suas mães no teatro

(Fotos: Leo Aversa / Bob Sousa)

Janeiro é mês de reestreia para Álamo Facó e Matheus Nachtergaele. Os dois atores voltam aos palcos cariocas com monólogos sobre suas mães – respectivamente “Mamãe” no Teatro Dulcina e “Processo de Conscerto do Desejo” no Teatro da Caixa Nelson Rodrigues. São temporadas populares, com ingressos até R$ 20. E ainda tem a meia-entrada para todos os casos previstos na lei.

Desde o dia 10, Álamo Facó apresenta “Mamãe”, um espetáculo no qual retrata os 100 dias em que acompanhou de perto o tratamento contra o tumor cerebral que deixou sua mãe em coma e a levou à morte. “Apesar do tema, a peça é bem lisérgica, uma peça pró vida!”, comenta o ator, que assina o texto e a co-direção, “eu sou o cérebro dela. Aqui a dramaturgia é usada como limite”.

Matheus Nachtergaele, por sua vez, inicia a nova temporada de “Processo de Conscerto do Desejo” no dia 25 de janeiro. No espetáculo, o ator apresenta textos escritos por sua mãe, a poetisa Maria Cecília Nachtergaele, que morreu em 1968. O solo é apresentado na companhia de dois músicos, que tocam canções adoradas por ela.

Os dois monólogos já são sucesso. “Mamãe” deu a Álamo o Prêmio Questão de Crítica de melhor dramaturgo. Em cartaz desde 2015, o espetáculo também trilha carreira internacional. Neste ano, irá para festivais na China, na França e na Escócia. “Processo de Conscerto do Desejo”, por sua vez, vem de uma longa turnê nacional, completando quase dois anos, com críticas positivas.

_____
MAMÃE: qua e qui, 19h. R$ 20. 70 min. Classificação: 14 anos. Até 25 de janeiro. Teatro Dulcina, 17 – Centro. Tel: 2240-4879.

_____
PROCESSO DE CONSCERTO DO DESEJO: qui a dom, 19h. R$ 10 (balcão) ou R$ 20 (plateia). 50 min. Classificação: 16 anos. De 25 de janeiro até 4 de fevereiro. Caixa Cultural Rio de Janeiro – Teatro da Caixa Nelson Rodrigues – Avenida República do Chile, 230 – Centro. Tel: 3509-9600.

Comentários

comments