.Plantão

Atores e espectadores estão Sempre Livres em novo espetáculo de improvisação

(Foto: Divulgação)

Para quem gosta de espetáculos de improvisação, uma nova opção chega à cidade na terça (5/9): “Sempre Lives”, no Teatro Municipal Café Pequeno, no Leblon. São cinco jovens atores no elenco, dirigidos por dois atores com experiência no ramo – Raphael Ghanem (de “Deu Branco – Cenas Improvisadas”) e Hamilton Dias (de “5 Contra Nem 1”) – que decidirem unir forças neste projeto. A ideia, expressa no título, é deixar o público livre para opinar e participar e os artistas livres para criarem. A cada apresentação, um espetáculo totalmente diferente, resultado da interação entre os espectadores e os atores.

– Eu e o Ghanem queríamos fazer algo juntos, formar uma dupla, e entendemos que estávamos querendo algo a mais. Pegamos nossa vivência, que é no teatro de improvisação, uma das coisas que a gente mais estuda na vida, e decidimos passar ela adiante para outras pessoas. Vemos um potencial enorme no elenco, que merece ser explorado. – diz Hamilton Dias.

Raphael Ghanem, um dos idealizadores do espetáculo (Foto: Divulgação)

O elenco é formado pelo próprio Raphael Ghanem (de “Deu Branco”) ao lado de Aarhon Pinheiro (de “Terapia do Riso”), Gabriel Borges (de “Cinderela”), Rick Villardo (de “A Bela e a Fera”) e Pedro Vaz, que vêm ensaiando e se divertindo com o processo. “Minha ideia era só dirigir, mas aos poucos fui sentindo vontade de estar em cena novamente com improvisação”, explica Raphael, “cada um temsua característica. São todos bem diferentes e isso é muito importante para um show bem misturado”. O grupo se formou a partir de um curso de improvisação do diretor. “Ele me convidou para o curso e lá eu tive um feeling de ‘huuum, acho que ele está me testando’. Logo depois do curso, veio o convite para integrar o time”, conta Gabriel, que está muito empolgado com a oportunidade. Ele acredita que a interação com o público e a improvisação serão grandes desafios.

– É um trabalho que a gente faz para a plateia. Resgata muito isso. Às vezes, o artista vai para um lugar de pensar o espetáculo para si, de se emocionar, e o teatro é a relação do artista com a plateia. Esse aqui é um trabalho que pensa 100% em primeiro lugar na plateia. Acho que isso é fundamental. – diz o ator.

(Foto: Divulgação)

_____
SERVIÇO: ter, 22h. R$ 50. Até 26 de setembro. Teatro Municipal Café Pequeno – Avenida Ataulfo de Paiva, 269- Leblon. Tel: 294-4480.

Comentários

comments

Share: