Dharck Tavares assina texto, direção, músicas e coreografias de infantil – Teatro em Cena
Plantão

Dharck Tavares assina texto, direção, músicas e coreografias de infantil

(Foto: Helmut Hosmann)

(Foto: Helmut Hosmann)

Um dos muitos mórmons de “The Book of Mormon”, Dharck Tavares é mais conhecido pelos administradores de teatros do Rio de Janeiro por seu trabalho para as crianças. O ator está sempre em cartaz com espetáculos infantis, como diretor, adaptador, coreógrafo, ou qualquer outra função, encabeçando os mais diversos projetos. Mas, com “A Princesa Sereia – Uma Aventura em Alto-Mar”, em cartaz no Teatro Fashion Mall, ele desafiou a si mesmo: decidiu assumir cinco funções de uma vez. Escreveu o texto (1), dirigiu (2), fez as letras das músicas (3), as coreografias (4) e o designer de luz (5). Para sua própria surpresa, ainda teve que encarar uma sexta missão: subir no palco para substituir um integrante do elenco.

– O processo de montagem desse espetáculo foi uma loucura. Estava no computador trabalhando e recebi um telefonema da minha produtora, dizendo que o teatro tinha acabado de ligar para oferecer uma pauta. Mas só teríamos duas semanas para produzir. Ela perguntou se eu toparia e, como sou aventureiro, topei. – conta o jovem, que vem de uma família de artistas.

Foi essa correria que o motivou a tomar as rédeas do projeto e delegar menos para os outros. Dharck preferiu “monopolizar” a ficha técnica para ter certeza que a meta seria alcançada como queria. O cronograma apertado não dava espaço para erros e ele considerou mais prático ter a maior parte das funções nas mãos, porque “tudo já estava em sua cabeça”. A surpresa foi mesmo ter que entrar em cena, como o Príncipe dos Mares, um dos personagens da trama adaptada do conto “A Pequena Sereia” do Hans Christian Andersen.

(Foto: Helmut Hosmann)

(Foto: Helmut Hosmann)

– Agora imagine: acompanhar a estreia, ajudar a técnica, atuar e tentar olhar o espetáculo com a visão de diretor para consertar possíveis erro e fazer tudo isso de dentro do palco. É realmente uma loucura, mas é o tipo de loucura que amo fazer, pois amo minha profissão e não trocaria por nada. – declara o artista, que faz questão de dividir os créditos com os parceiros, apesar de ter se desdobrado em papeis de vários – Dá pra dizer que o espetáculo tem a minha cara, mas com pequenos toques de parceiros tão queridos. Sou uma pessoa aberta a propostas e fico feliz quando me apresentam algo que eu ache que possa somar.

Dhark não se considera controlador. Talvez centralizador? As pessoas às vezes dizem que sim– e “A Princesa Sereia” é um bom argumento. Ele admite que gosta de acompanhar tudo de perto, todos os detalhes, mas também conta com um time que lhe dá suporte para isso. Na entrevista, cita os produtores, o diretor musical, o cenógrafo, os figurinistas e a assistente de direção. “Apesar de assinar texto, direção, coreografia e músicas, tive a ajuda de várias outras pessoas”, garante.

_____
SERVIÇO: sáb e dom, 17h30. R$ 60. 60 min. Classificação: livre. Até 12 de outubro. Teatro Fashion Mall – Shopping Fashion Mall – Estrada da Gávea, 899 – São Conrado. Tel: 2422-9800.

Comentários

comments