Em Cartaz

Agenda – Junho de 2018

3 Mulheres 1 Destino…
Amigas que viveram toda transformação política e social dos anos 80 reencontram-se após 20 anos e revivem um passado, quebrando tabus, revelando histórias do passado, todas as descobertas, e compondo um novo presente, numa comédia que navega por questões políticas e históricas do nosso país. Além da expressiva liberdade do universo feminino adquirido e todas as suas conquistas nestas últimas décadas. Com Flavia Sequeira, Rita Luz e Claudia Cabral. Texto e direção de Fabrisio Coelho. SERVIÇO: sáb e dom, 19h30. R$ 40. 80 min. Classificação: livre. Até 1º de julho. Teatro Henriqueta Brieba – Tijuca Tênis Clube – Rua Conde de Bonfim, 451 – Tijuca. Tel: 3294-9300.

Aérea
Comédia sobre uma comissária de bordo totalmente descontrolada emocionalmente e que debita o seu destempero numa fixação doentia por um comandante que trabalha na mesma companhia aérea. Os sentimentos não são recíprocos, o que torna o desequilíbrio da personagem mais aguçado. Misturando vida pessoal com profissional, ela se perde em diferentes padrões de comportamento. “Aérea” explora e satiriza o universo aéreo pouquíssimo explorado pelo teatro. E discute com humor o comportamento, a postura e os códigos da relação tripulação versus passageiro. Texto e atuação de Patricya Travassos. Direção de Marcus Alvisi. SERVIÇO: qui, 21h. R$ 60. 60 min. Classificação: 12 anos. Até 26 de julho. Teatro dos Quatro – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2239-1095.

Angela Maria – Lady Crooner
O musical mostra a trajetória de três cantoras, de perfis diferentes, durante a apresentação de um show (cenas de palco e bastidores) – com 28 canções – em homenagem aos 70 anos de carreira da cantora Angela Maria. Com Lilian Valeska, Kacau Gomes e Janaína Azevedo. Texto e direção de Francis Mayer. SERVIÇO: sex e sáb, 19h; dom, 18h. R$ 60. 100 min. Classificação: 10 anos. Até 1º de julho. Teatro Municipal Carlos Gomes – Praça Tiradentes, s/n – Centro. Tel: 2215-0556.

Ariano – O Cavaleiro Sertanejo
Seis Cavaleiros a procura do lendário autor Ariano Suassuna, invadem com música e poesia a fictícia cidade nordestina de Armorial. Eles contam e cantam sobre a lenda do cavaleiro nordestino, aquele que nasceu, amou, viveu e lutou usando as armas mais potentes: a pena e a tinta. O cavaleiro andante, de mistérios e mitos, deixou seu legado e perpetuou suas histórias e foi intitulado: Ariano – O Cavaleiro Sertanejo. Da Os Ciclomáticos Companhia de Teatro. Com Carla Meirelles, Fabiola Rodrigues e outros. Texto e direção de Ribamar Ribeiro. SERVIÇO: sex a dom, 20h. R$ 30 (ou R$ 7,50 para associados Sesc). 80 min. Classificação: 12 anos. Até 8 de julho. Sesc Tijuca – Rua Barão de Mesquita, 539 – Tijuca. Tel: 3238-2164.

Blackbird
emcartaz-blackbird Inspirada em um caso real de pedofilia, Blackbird aborda um tema de caráter social, ético e moral, através de um homem de 56 anos e uma jovem de 27, que se reencontram quinze anos depois de terem tido uma relação amorosa, quando ela tinha apenas 12 anos de idade e ele, 41. Um drama que discute sobre as consequências a longo prazo do abuso sexual, o amor entre pessoas de idades diferentes, os instintos sexuais versus os padrões éticos e morais que temos em nossa sociedade. Com Viviani Rayes e Yashar Zambuzzi. Texto de David Harrower, com direção de Bruce Gomlevsky. SERVIÇO: sáb, 20h; dom, 19h. R$ 50. 80 min. Classificação: 16 anos. Até 1º de julho. Cidade das Artes – Avenida das Américas, 5300 – Barra da Tijuca. Tel: 3325-0102.

Brimas
emcartaz-brimas Duas senhoras imigrantes, Ester e Marion, revivem, com muito humor, suas histórias, enquanto cozinham quibes para um velório. O riso, a saudade da família e as memórias do passado se misturam nessa história cheia de emoção e sabedoria. Texto e atuação de Beth Zalcman e Simone Kalil, com direção de Luiz Antônio Rocha. SERVIÇO: sáb, 19h. R$ 60. 70 min. Classificação: 10 anos. Até 14 de julho. Teatro Clara Nunes – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2274-9696.

O Caos Reina
Na cidadela onde reside uma fervorosa família religiosa, notícias de guerra amedrontam seus habitantes. Cego por uma fé inabalável, o pai faz analogias bíblicas diretas a Deus em absolutamente tudo, seja ao relacionar-se com a esposa ou na educação dos dois filhos. Convencido por uma revelação o Pai incumbe a família a preparar uma espécie de nova arca de Noé. Sete anos se passaram desde que uma tragédia nuclear em decorrência da guerra dizimou (ou não), a humanidade. Os filhos estão refugiados em uma caverna e são vigiados pela Dona Raposa, que mantém uma fogueira acesa do lado de fora para garantir a luminosidade e o calor. No refúgio que abriga os sobreviventes, o “Lugar”, vive também a peçonhenta – personagem inspirada na serpente bíblica. Ali estão cultivadas uma macieira e um pé de urucum, que levarão os irmãos a um conflito existencial onde será definido o futuro da humanidade e do planeta. Com Daniela Cruvinel, Eric Polly e outros. Texto e direção de Pedru Maia. SERVIÇO: qua e qui, 19h30. R$ 30. Classificação: 14 anos. De 6 até 28 de junho. Teatro Gonzaguinha – Centro de Artes Calouste Gulbenkian – Rua Benedito Hipólito, 125 – Centro. Tel: 2224-5747.

CérebroCoração
Em cena, a atriz encena o que definiu como ‘aula-performance’, ao borrar a fronteira entre o teatro e a sala de aula. Motivada pela leitura de ‘Em Busca do Tempo Perdido’, de Proust, e por uma série de acontecimentos pessoais, a atriz começou a pesquisar, improvisar e escrever sobre memória, linguagem e neurologia. A versão final do texto foi construída no período de ensaios. Atuação e dramaturgia de Mariana Lima, com direção de Renato Linhares e Enrique Diaz. SERVIÇO: qui a dom, 20h. R$ 30. 70 min. Classificação: 14 anos. Até 17 de julho. Oi Futuro Flamengo – Rua Dois de Dezembro, 52 – Flamengo. Tel: 3131-3060.

Chica Boa
Comédia em três atos curtos sem intervalo. Ela se passa em uma chácara em Santa Teresa, cuja dona é a Engrácia, rabugenta e tirânica. Mostra com veracidade o bom humor como viviam nossos antepassados nessa cidade maravilhosa do Rio de Janeiro. Focaliza com precisão os problemas daquela época, apresentando personagens cheios de veracidade. Com Gina Teixeira, Leda Lucia e outros. Texto de Paulo de Magalhães, com direção de Lula Medeiros. SERVIÇO: sex, 20h. R$ 40. 70 min. Classificação: 12 anos. Até 29 de junho. Teatro Henriqueta Brieba – Tijuca Tênis Clube – Rua Conde de Bonfim, 451 – Tijuca. Tel: 3294-9400.

Clarice Lispector & Eu – O Mundo Não é Chato
emcartaz-claricelispectoreeu Na peça, atriz (Rita Elmôr) e escritora (Clarice Lispector) se misturam ao contar as suas histórias. Por vezes a história de uma serve à história da outra – no decorrer da ação, nem sempre sabemos quem está falando. Com leveza e humor, e como numa conversa entre amigos, a peça convida o público a refletir sobre diversas situações do cotidiano. Com legendas em inglês. Adaptação e interpretação de Rita Elmôr, com direção de Rubens Camelo. SERVIÇO: sex a dom, 20h. R$ 40. 65 min. Classificação: 14 anos. Até 1º de julho. Teatro Municipal Café Pequeno – Avenida Ataulfo de Paiva, 269 – Leblon. Tel: 2294-4480.

Corta!
Comédia ambientada em um salão de beleza. A cada apresentação, uma espectadora terá seu cabelo cortado. Esta será escolhida mediante sua história na página da peça, no Facebook. A pessoa terá que, com antecedência, escrever página e explicar o porquê que gostaria de cortar o cabelo. Texto de Vinicius Soares e Marcio Azevedo, que assina a direção. SERVIÇO: qui a sáb, 21h; dom, 20h. R$ 60 (qui, sex e dom) e R$ 80 (sáb). 90 min. Classificação: 14 anos. Até 2 de julho. Teatro Clara Nunes – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2294-1096.

Dançando no Escuro
A tcheca Selma Jezková migra para os EUA com o filho Gene, que precisa operar os olhos para não perder a visão; trágicos acontecimentos cruzam seus caminhos enquanto Selma sonha com o mundo dos musicais. Com Juliane Bodini, Carolina Pismel e outros. Adaptação de Patrick Ellsworth, com direção de Dani Barros. SERVIÇO: qui e sex, 20h; sáb, 21h; dom, 19h. R$ 90. 120 min. Classificação: 14 anos. De 1º de junho até 30 de junho. Oi Casa Grande – Avenida Afrânio de Melo Franco, 290 – Leblon. Tel: 2511-0800.

Disformidade do Disforme
Santiago, um ator que após perder o movimento das pernas vive recluso em seu apartamento, recebe a visita inesperada de um grupo de apoio. O que segue nesse encontro é um retrato da sociedade diante das necessidades do outro e das limitações impostas pelo ambiente cotidiano. Temas como preconceito e exclusão são colocados através de diálogos ágeis e da perspectiva de cada personagem e assim, conhecendo cada um deles, vemos o grupo incentivando Santiago a enfrentar os seus fantasmas e seguir com sua vida da melhor forma possível. Com Matheus Apolônio, Ys Rangel e outros. Texto e direção de Fagner Emerich. SERVIÇO: sex e sáb, 19h30. R$ 30. 90 min. Até 30 de junho. Centro Cultural Laurinda Santos Lobo – Rua Monte Alegre, 306 – Santa Teresa. Tel: 2215-0618.

Édipo e o Rei, um Acidente Mitológico
Paródia da clássica tragédia de Sófocles, “Édipo Rei”, representada pela primeira vez em 430 a.C. Com um tom cômico, a peça subverte a trama original de Sófocles, incluindo a paixão de Édipo por Laio. Representada em três atos costurados pelo coro, a montagem propõe um desfecho menos sofrido para Laio, Édipo e Jocasta. Com Francisco Vitti, Gabriela Rosas e outros. Texto de Laura Rissin, com direção de Adriano Coelho. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 20h. 60 min. Classificação: 14 anos. Até 15 de julho. Teatro dos Quatro – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2239-1095.

Fale Mais Sobre Isso
A terapeuta Laura está na faixa dos quarenta anos e, como a maioria das mulheres, divide seu tempo entre cuidar da família e da carreira. Em seu consultório, ela atende Sr. B, um jovem de cerca de 30 anos que tem a organização e a metodologia como lemas de vida; da Sr. C, que foi trocada por uma mulher mais jovem e, ao invés de sentir tristeza, fica feliz e sente-se culpada por isso; do Sr. D, que acredita ser Deus; e de Alice, uma senhorinha doce de 78 anos que nunca conseguiu falar o que realmente sente. Texto e atuação de Flávia Garrafa, com direção de Pedro Garrafa. SERVIÇO: seg, 20h. R$ 60. 70 min. Classificação: 14 anos. Até 25 de junho. Teatro dos Quatro – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 54 – Gávea. Tel: 2239-1095.

Favela 2 – A Gente Não Desiste
O espetáculo é uma continuação das histórias de “Favela”, grande sucesso que levou cerca de 80 mil pessoas ao teatro. O humor continua presente durante toda a peça, mas tudo se encaminhando para um pedido de atenção e cuidado com os moradores das favelas. Em cena, teremos personagens cômicos e dramáticos que falam de temas muito atuais como empoderamento feminino, corrupção, violência nas favelas, o mau uso da internet, entre outros assuntos bem atuais. Com Hugo Moura, Thiago Justino e outros. Texto de Rômulo Rodrigues e direção de Marcio Vieira. SERVIÇO: sex e sáb, 19h30; dom, 18h. R$ 40. Classificação: 14 anos. Até 29 de julho. Teatro João Caetano – Praça Tiradentes, s/n – Centro. Tel: 2332-9166 / 2332-9258 / 2332-9257.

A Festa de Aniversário
O texto conta a caça enigmática de Stanley, um pianista “auto exilado” em uma pensão humilde em uma praia qualquer. Os donos Meg e Petey hospedam Stanley há um ano, o que faz dele um hóspede residente, o único em todo esse tempo. No suposto dia do seu aniversário os moradores recebem a inesperada e estranha visita de dois homens. A chegada dos novos hóspedes vai afetar o comportamento dos moradores desencadeando uma série de acontecimentos imprevisíveis. Com Andrea Dantas, Gláucio Gomes e outros. Texto de Harold Pinter, com direção de Gustavo Paso. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 19h. R$ 40. 80 min. Classificação: 16 anos. Até 1º de julho. Teatro Municipal Maria Clara Machado – Rua Padre Leonel Franca, 240 – Gávea. Tel: 2274-7722.

E Foram Felizes Para Sempre
Comédia retrata o verdadeiro casamento. Carlos e Michele estão comemorando os dez anos de casamento em uma noite inesquecível, quando resolvem fazer uma retrospectiva dos anos que passaram juntos. Uma historia divertida com situações cômicas onde mostram o cotidiano de uma vida à dois. Com Alex Bakalla e Mayara Buenno. Texto de Aluízio Guimarães, com direção de Madeleine Braga. SERVIÇO: sáb, 19h. R$ 60. 60 min. Classificação: livre. Até 28 de julho. Teatro Fashion Mall – Shopping Fashion Mall – Estrada da Gávea, 899 – São Conrado. Tel: 2422-9800.

Frames, Nossa Diferença Liberta
Intolerância, preconceito, dificuldade de comunicação. São quatro histórias, quatro recortes de vida que acontecem durante um mesmo dia em uma grande cidade, onde o que move – ou não – os personagens são as suas urgências e impossibilidades. Em “Fogos no céu de meio dia”, vemos duas pessoas impedidas de sair na rua por conta de um tiroteio, cada uma delas com um objetivo naquele dia que poderia mudar radicalmente suas vidas. Em “Lâmpadas e Ovos Quebram”, duas pessoas, cada uma em seu carro, estão presas num engarrafamento. Uma precisa chegar ao aeroporto a tempo de impedir que seu grande amor vá embora. A outra, vai ao encontro de alguém que poderá tirá-la do estado de morte civil em que ele se encontra. Em “Fogos no céu de meia-noite”, dois amigos estão na sala de espera de um hospital e enquanto aguardam, refletem sobre suas vidas. Finalmente, temos “Era pra ser só uma festa”, que trata da questão da homofobia e de suas trágicas consequências. Com Daniel Rocha e Hugo Bonemer. Texto de Frankz Keppler, com direção de Camila Gama e Sandro Pamponet. SERVIÇO: sex e sáb, 20h; dom, 19h. R$ 30. 60 min. Classificação: 14 anos. Até 8 de julho. Casa de Cultura Laura Alvim – Avenida Vieira Souto, 176 – Ipanema. Tel: 2332-2016.

Godspell
Famoso musical da Broadway, sucesso nos anos 1970, por subverter a estética e a narrativa comumente associada à figura de Jesus Cristo. Não busca desvirtuá-lo, mas sim aproximar a essência de sua mensagem à realidade de todos nós através de canções pop-rock, que se tornaram clássicos do teatro musical e da música mundial. Com Leo Bahia, Raphael Rossatto e outros. Texto de John-Michael Tebelak, com direção de João Fonseca. SERVIÇO: ter e qua, 19h30. R$ 40. 120 min. Classificação: livre. Até 26 de junho. Teatro Serrador – Rua Senador Dantas, 13 – Centro. Tel: 2220-5033.

O Grande Circo Místico
O enredo conta a improvável a história de Frederico, um aristocrata, que obrigado a servir como médico do exército, deixa de lado a iminência de um casamento com Charlote e a avassaladora paixão por Beatriz, uma bailarina de circo. Enquanto o conflito – com seus mortos e feridos – avança, o circo é ameaçado e precisa lutar para evitar sua extinção. Texto de Newton Moreno e Alessandro Toller, com direção de Paula Sandroni. SERVIÇO: qui a dom, 20h. R$ 40. 120 min. Classificação: 12 anos. Até 1º de julho. Teatro Cesgranrio – Rua Santa Alexandrina, 1011 – Rio Comprido. Tel: 98266-8666.

O Homem de la Mancha
O enredo de “O Homem de la Mancha” traz a história de Miguel de Cervantes, poeta, ator de teatro e coletor de impostos, que é internado em um manicômio no final dos anos 1950. Junto com ele, é apresentado ao público seu criado, Sancho. O musical narra, a partir daí, diversos momentos que culminam na encenação da história de D. Alonso Quijana, fazendeiro tomado pela loucura que imagina ser D. Quixote, Senhor de La Mancha, um Cavaleiro Errante atrás de aventuras para combater o mal, assistir os indefesos e praticar o bem. Com Cleto Baccic, Sara Sarres e outros. Texto de Dale Wasserman, com direção de Miguel Falabella. SERVIÇO: qui e sex, 21h; sáb, 17h e 21h; dom, 20h. R$ 75 até R$ 190. 105 min. Classificação: 10 anos. Até 27 de julho. Teatro Bradesco – Shopping Village Mall – Avenida das Américas, das Américas, 3900 – Barra da Tijuca. Tel: 3431-0100.

Os Homens Querem Casar e as Mulheres Querem Sexo 2
emcartaz-oshomensqueremcasareasmulheresqueremsexo A comédia conta a história de Jonas que continua sua busca pela mulher perfeita, e nesse processo, encontra deus e para sua surpresa, descobre que deus é mulher e é cearense. Deus então, faz uma proposta para Jonas passar a sentir tudo o que as mulheres sentem para entender a visão feminina sobre o universo masculino. Com Drika Mattos e Carlos Simões, que assina texto e direção. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 19h30. R$ 60 (sex e dom) e R$ 70 (sáb). 60 min. Classificação: 14 anos. Até 1º de julho. Teatro Fashion Mall – Shopping da Gávea – Estrada da Gávea, 899, sala 213 – São Conrado. Tel: 2422-9800.

Ícaro and the Black Stars
Um show divertido e eletrizante, cantando e contando sucessos da história da Black Music. Michael Jackson, Bob Marley, Tim Maia, Wilson Simonal, Beyoncé e James Brown são algumas das estrelas presentes no espetáculo. Entre as músicas, Ícaro conta histórias vividas por estes ídolos em paralelo com suas histórias pessoais. Com Ícaro Silva. Texto e direção de Pedro Brício. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 20h. R$ 80. 80 min. Classificação: 12 anos. Até 1º de julho. Teatro XP Investimentos – Jockey Club – Avenida Bartolomeu Mitre, 1110B – Gávea. Tel: 3807-1110.

Le Circo de la Drag
Com uma liberdade brincalhona, a “trupe” se desafia a fazer uma recriação burlesca de diversos modelos determinados, colocando uma lente de aumento nas fragilidades e inconsistências dos originais. Usando unicamente a linguagem da dublagem, o grupo cria diversos números que tem em sua origem a observação do comportamento urbano e a denúncia dos absurdos cotidianos aos quais somos submetidos dia após dia. Embalando os quadros, uma trilha que vai da tropicália ao pop moderno, passando pelo samba e pelo funk. Com Juracy de Oliveira, Leonardo Paixão e outros. Texto e direção de Juracy de Oliveira. SERVIÇO: qui, 19h30. R$ 30. Classificação: 18 anos. Dia 28 de junho. Teatro Rival Petrobras – Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro. Tel: 2240-9796.

Lima Entre Nós
O monólogo é um tributo ao escritor e cronista Lima Barreto. tributo ao escritor e cronista Lima Barreto e conta com a direção de Marcia do Valle. A atualidade da obra do autor é o mote do espetáculo solo, que pretende despertar reflexões e debates sobre o papel do negro na literatura e na cultura do Brasil. Com Leandro Santanna, que assina o roteiro com a diretora Marcia do Valle. SERVIÇO: ter, 18h. Entrada franca: agendamento de alunos pelo e-mail santannaproducoesartisticas@gmail.com. Classificação: 12 anos. Até 10 de julho. Memorial Getúlio Vargas – Sala Zaíra de Oliveira -Praça Luís de Camões, s/n – Glória. Tel: 99391-7069 ou 98433-3677.

Os Malefícios da Maconha
Na peça, um artista veterano é parado numa blitz onde é forjado um flagrante de maconha. Revoltado com a má qualidade do flagrante forjado, ele protesta e é preso por isso. Vai a julgamento e é condenado a fazer palestras sobre os ‘malefícios da maconha’. Todo o dinheiro arrecadado com a bilheteria é destinado à Abracannabis, associação civil, sem fins lucrativos, que visa promover, consolidar e expandir a inclusão social e o respeito aos direitos humanos, principalmente dos pacientes de cannabis medicinal. Com Ricardo Petraglia. SERVIÇO: sex, 21h. R$ 10. 60 min. Classificação: 18 anos. Até 29 de junho. Ganjah Lapa – Rua do Rezende, 82 – Lapa. Tel: 2222-0462.

Mamãe Voltou
Até aonde pode chegar a fixação de uma mãe por um filho? Dona Conceição irá nos mostrar exatamente isso. Ela é engraçada, afetuosa, teimosa e entre outras coisas, ela é capaz de ressuscitar dos mortos pra tomar conta da vida do filho Jorginho. Com Raphael Monteiro, Vander Rabelo e outros. Texto e direção de Rodrigo Scheer. SERVIÇO: ter e qua, 20h. R$ 50. 60 min. Até 6 de junho. Teatro Cândido Mendes – Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema. Tel: 2523-3663.

Mansa
Duas irmãs, após anos de abuso em cárcere privado, matam o pai e enterram seu corpo nos fundos da casa. Mais do que apresentar um mero crime, a peça busca revelar a origem da violência contra a mulher. Em cena, apenas os personagens masculinos têm voz: eles observam o drama das irmãs por diferentes ângulos, colocando em questão o processo de “amansamento” feminino. Com Amanda Mirasci e Nina Frosi. Texto de André Felipe, com direção de Diogo Liberano. SERVIÇO: sáb a seg, 20h. R$ 30. 70 min. Classificação: 16 anos. Até 30 de julho. Sede da Cia. dos Atores – Escadaria Selarón – Rua Manoel Carneiro, 12 – Lapa. Tel: 2137-1271.

Martinho da Vila – Uma Filosofia de Vida
O espetáculo conta a vida de Martinho da Vila, com base no livro “Memórias Póstumas de Teresa de Jesus”, publicado por ele, além de uma vasta pesquisa no acervo e entrevistas com o artista. O público irá se deliciar com trechos dos seus principais sucessos, como “Devagar, devagarinho”, “Disritmia”, “Mulheres”, entre muitos outros. No cenário, projeções de fotos e os ambientes que retratam a sua vida pessoal e profissional desde a década de 40 até os dias atuais. Com Nill Marcondes, Babi Xavier e outros. Texto de Ana Ferguson e Solange Bighetti, com direção de William Vita. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 20h. R$ 80 (dom) e R$ 100 (sex e sáb). 90 min. Classificação: livre. Até 15 de julho. Teatro Clara Nunes – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52, 3º piso – Gávea. Tel: 2274-9696.

A Mentira
Uma tragédia causada por mentiras e segredos. Lúcia é a caçula de uma família de quatro mulheres e um pai repressor, que vive na zona norte do Rio de Janeiro. Aos catorze anos ela sente um súbito mal-estar, que leva à terrível descoberta da gravidez. A suspeita sobre quem seria o pai da criança será o motor de uma sequência de revelações de acontecimentos passados e desejos ocultos sob a aparente harmonia familiar. Com Leonardo Bricio, Inez Viana e outros. Texto de Nelson Rodrigues, com direção de Inez Viana. SERVIÇO: sex a seg, 20h. R$ 40. 90 min. Classificação: 14 anos. Até 9 de julho. Teatro Glaucio Gill – Praça Cardeal Arcoverde, s/n- Copacabana. Tel: 2332-7904.

MINHA
Diante da esposa, no leito de um hospital, Henrique revela seus medos, preconceitos, arrependimentos, angústias, desejos e taras que, devido a sua máscara social, nunca haviam sido expostos ou expurgados. Com Osvan Costa. Texto de Wilson Sayão, com direção de Fátima Leite e supervisão de Amir Haddad. SERVIÇO: qua a dom, 19h. R$ 10 (qua) e R$ 40 (qui a dom). 60 min. Classificação: 14 anos. Até 8 de julho. Teatro Dulcina – Rua Alcindo Guanabara, 17 – Cinelândia. Tel: 2240-4879.



NABILA
Três gerações de uma família se comunicam através das mulheres, que passam adiante suas histórias, saudades e conflitos. A memória feminina percorre o caminho do lembrar-se e ser lembrada, buscando reconciliar-se consigo mesma. Com Araci Breckenfeld, Mariana Queiroz e outros. Texto de Gabriel Aquino e Fernanda Báfica, que assina a direção com Juracy de Oliveira. SERVIÇO: qua a dom, 19h. R$40. 60 min. Classificação: 12 anos. Até 29 de julho. Teatro Glauce Rocha – Avenida Rio Branco, 179 – Centro. Tel: 2220-0259.

Na Parede da Memória
Inspirado na poesia de Belchior, conta a história de quatro amigos separados pelo tempo e por suas diferenças que se reencontram em um apartamento onde todos já viveram antes. Fechando um ciclo da história, cada personagem deve retirar o que é seu do imóvel. O único desacordo parece estar na propriedade do disco Alucinação, de Belchior, objeto reclamado por todos. Um reflexo do passado ganha cores contemporâneas, no desenrolar da trama que situa a história política atual do país e do mundo. Cada canção se torna rascunho do destino, tendo a poesia e a ação como forma de narrar essa história. Com Daniel Villas, Dezo Mota e outros. Texto de Fabrício Branco, com direção de Paulo Marisio. SERVIÇO: ter e qua, 20h. R$ 50. 70 min. Classificação: 16 anos. Até 8 de agosto. Teatro Candido Mendes – Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema. Tel: 2525-1000.

Noite da Comédia Improvisada
Eles são atores que não têm textos para decorar, marcações em cena, nem mesmo uma peça. Parece piada e é. São 70 atores em cena, e a plateia acaba atuando como co-autora do espetáculo, pois é ela quem sugere temas e situações. Os atores só descobrem o que vão fazer já em cena. Os jogos de improviso são apresentados por um Mestre de Cerimônias – figura chave que serve de ponte entre os jogadores (atores) e a plateia. Com Gabriel Borges, Lairce Dias e outros. Direção de Raphael Ghanem e Priscila Lobo. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 19h. R$ 60. 70 min. Classificação: 14 anos. Até 1º de julho. Teatro do Leblon – Sara Marília Pêra – Rua Conde de Bernadotte, 26 – Leblon. Tel: 2529-7700.

Nona Nuvem
Espetáculo da Placenta Cia. de Teatro. Inspirado no universo do realismo fantástico latino-americano o espetáculo conta a história de um açougueiro que sobreviveu à Guerra do Vietnã e fornece carne para um restaurante, onde a mulher no comando alimenta uma multidão insatisfeita. A peça recebeu 14 prêmios dos 23 indicados em grandes festivais nacionais e internacionais de teatro. Texto e direção de Gabo M. Barros. SERVIÇO: sáb, 20h; dom, 19h. R$ 30. 80 min. Classificação: 16 anos. Até 1º de julho. Teatro Ziembinski – Rua Urbâno Duarte, 30 – Tijuca.

Nuon
Tudo acontece em uma noite no Camboja, durante uma celebração em que os ancestrais são homenageados. Os personagens que viveram durante o regime do Khmer Vermelho, na década de 70, voltam e revisitam suas memórias e impressões, vivendo cenas em que a poesia resiste ainda que em momentos de extrema dor. Texto e direção de Ana Rosa Tezza. Da Cia. Ave Lola. SERVIÇO: sáb a seg, 20h30. R$ 20. 80 min. Classificação: 16 anos. Até 3 de julho. Teatro Ipanema – Rua Prudente de Morais, 824 – Ipanema. Tel: 2267-3750.

As Ondas ou Uma Autópsia
Este romance-poema escrito em 1931 descreve através do nascer do sol até seu poente, as diversas fases das vidas de seis amigos: Jinny, Rhoda, Susan, Louis, Bernard e Neville. Os personagens manifestam seus pensamentos, anseios e vontades através de solilóquios, quase nunca existe um diálogo direto, tudo passa por dentro deles, ganha camadas, adquire relevos antes de ganhar o mundo; e cada um destes mundos é vasto, amplo, infinito. Além dos seis personagens existe um sétimo, mudo, apenas um espectro que acompanha os outros: Percival, o herói silencioso que morre no auge da sua vida. Percival é quem leva esta obra até o cerne angustiado da vida da escritora. Texto e atuação de Gabriel Miziara. SERVIÇO: qui a sáb, 21h; dom, 19h. R$ 50. 60 min. Classificação: 16 anos. De 28 de junho até 1º de julho. Teatro Poeira – Rua São João Batista, 104 – Botafogo. Tel: 2537-8053.

Ouvi Dizer Que a Vida É Boa
A frase dita por uma mulher ao se justificar por não ter conseguido realizar nem mesmo seu mais singelo e verdadeiro sonho foi o ponto de partida para a criação da nova montagem da Cia. Dramática de Comédia. O espetáculo é uma narrativa musical que dá continuidade à pesquisa de linguagem desenvolvida pela companhia em suas produções mais recentes. Com Ana Moura, Carol Machado e outros. Texto e direção de João Batista Leite. SERVIÇO: qui a sáb, 20h30; dom, 19h. R$ 30 (ou R$ 7,50 para associados Sesc). 60 min. Classificação: 12 anos. Até 1º de julho. Sesc Copacabana – Teatro de Arena – Rua Domingos Ferreira, 160 – Copacabana. Tel: 2547-0156.

O Primo da Califórnia
O espetáculo se passa nos anos 20 e conta a história de Adriano Genipapo, um jovem músico azarado e pobre, que não consegue emplacarna carreira, mas “enriquece” da noite para o dia graças a uma mentira contada por amigos. Com Gabriel Hipóllyto, Júlia Drummond e outros. Texto de Joaquim Manoel de Macedo, com adaptação de Alexandre Amorim e direção de Rubens Lima Junior. SERVIÇO: qui a sáb, 18h30. R$ 10. 155min. Classificação: 14 anos. Dias 28, 29 e 30 de junho e 4 e 5 de julho. Teatro Odylo Costa Filho – Rua São Francisco Xavier, 524 – Maracanã. Tel: 2334-0681 e 2334-0048.

Profetas da Chuva – Chico Mariano e Paroara
Dois Profetas da Chuva — Chico Mariano e Paroara, vividos por Clara Santhana e Paulinha Cavalcanti — conversam sobre suas experiências de previsão meteorológica e os métodos utilizados na observação da natureza. Filosofam sobre a vida e o tempo, com falas bem-humoradas e momentos de música ao vivo. O ambiente é de proximidade entre personagens e público, que atua como testemunha de suas profecias. Texto e atuação de Clara Santhana e Paulinha Cavalcanti, com direção de Isaac Bernat. SERVIÇO: sex e sáb, 20h; dom, 19h. R$ 50. 60 min. Classificação: livre. Até 29 de julho. Teatro Candido Mendes – Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema. Tel: 2523-3663.

Renato Russo
emcartaz-renatorussoomusical A banda Arte Profana, formada por teclado, guitarra, baixo e bateria ilustra com 22 canções a peça que conta a história do músico desde a juventude “punk” em Brasília, quando fundou a primeira banda, aborto Elétrico e ficou por dois anos em uma cadeira de rodas até o sucesso da Legião Urbana. O quebra-quebra num show em Brasília e os problemas com drogas estão na encenação. Depoimentos, reportagens, entrevistas de Renato, parentes, livro e imagens de shows serviram como base para a concepção da obra. Com Bruce Gomlevsky. Texto de Daniela Pereira de Carvalho, com direção de Mauro Mendonça Filho. SERVIÇO: qui a sáb, 21h; dom, 18h. R$ 100 (balcão) ou R$ 120 (plateia e frisas). 120 min. Classificação: 12 anos. Até 1º de julho. Theatro Net Rio – Rua Siqueira Campos, 143 – Copacabana. Tel: 2147-8060.

ROSE
A montagem apresenta a trajetória de Rose, incansável funcionária de uma escola municipal carioca que, durante a semana, se angustia com a escassez de merenda para as crianças e, aos fins de semana, como empregada doméstica de uma família abastada, se depara com o desperdício de comida boa jogada ao lixo sem a menor piedade. Quanto mais a situação da merenda na escola pública em que Rose trabalha se agrava, mais a protagonista sente a necessidade de resolver a situação com suas próprias mãos. É tomada por essa urgência que Rose começa a confiscar as sobras de alimentos na casa de sua patroa, Dona Celina, e também a comprar mais suprimentos para alimentar os alunos da escola. Com Dida Camero, Márcio Machado e outros. Texto de Cecilia Ripoll, com direção de Vinícius Arneiro. SERVIÇO: sáb a seg, 20h30. R$ 30. Classificação: 12 anos. Até 25 de junho. Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto – Rua Humaitá, 163 – Humaitá. Tel: 2535-3846

Será Que Vai Chover?
No pulsar da percussão da vida, as ideologias de Sandra, Bruno e Yuri se chocam, deixando ainda mais turbulento e ritmado os encontros e desencontros da cidade grande. Munidos de suas visões individuais relacionadas às questões sociais contemporâneas, os três acabam seguindo caminhos desconhecidos. Com Eli Ferreira, Breno Ferreira e outros. Texto de Licínio Januário, com direção de Orlando Caldeira. SERVIÇO: ter e qua, 19h. R$ 40. 80 min. Classificação: 14 anos. Até 25 de julho. Teatro Eva Herz – Livraria Cultura – Rua Senador Dantas, 45 – Cinelândia. Tel: 3916-2600.

Sobre Nós
Em meio a uma sociedade cada vez mais tecnológica e menos empática, o espetáculo propõe ao espectador uma experiência sensorial que busca refletir sobre nossos afetos, atitudes e angústias. Sem um enredo linear, a montagem destaca os conflitos existenciais que carregamos em todas as nossas relações. Com Gabriel Zanelatto, Isabelle Lamoglia e outros. Texto e direção de Charles Kahn. SERVIÇO: sex, 19h. R$ 60. 60 min. Classificação: 12 anos. Até 29 de junho. Teatro Vannucci – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2239-8545.

Tchekhov é um cogumelo
A montagem mergulha de maneira original no universo de ‘As Três Irmãs’, do dramaturgo russo Anton Tchekhov, a partir de linguagem que une ficção, neurociência e memória. A cada apresentação, o diretor André Guerreiro Lopes interfere de forma inusitada no espetáculo. Sentado em silêncio vestindo um capacete de eletrodos, sua atividade cerebral, emoções e ondas mentais são captadas e transformadas em impulsos elétricos, que acionam ao vivo uma instalação sonora e visual criada pelo músico Gregory Slivar. A atividade invisível da mente do diretor interfere na ação, controlando frequências que vibram poças d’água e tocam sinos, completando o mosaico desta experiência teatral. Da Cia. Estúdio Lusco-Fusco. Com Djin Sganzerla, Helena Ignez e outros. Direção e adaptação de André Guerreiro Lopes. SERVIÇO: qua a dom, 19h. R$ 20. 90 min. Classificação: 14 anos. Até 22 de julho. Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) – Teatro I – Rua Primeiro de Março, 66 – Centro. Tel: 3808-2052.

Tia Julia e o Escrevinhador
A peça de teatro é a adaptação de um dos livros mais originais de Mario Vargas Llosa. Autobiográfica, ela conta a história de Marito, um jovem com ambições literárias que se apaixona por sua tia Julia, divorciada e com quase o dobro da sua idade. Em paralelo a esse romance proibido na Lima dos anos 50, Marito conhece Pedro Camacho, autor excêntrico de radionovelas cujos enredos mirabolantes fascinam os peruanos. As novelas vão muito bem, até o dia em que Pedro Camacho, sobrecarregado, começa a confundir enredos e personagens criando histórias hilariantes e absurdas. E, ao mesmo tempo, o romance entre Marito e tia Julia é descoberto pela família. Com Arthur Portella, Fernanda Teixeira e outros. Texto de Mario Vargas Llosa, com direção de Ritcheli Santana. SERVIÇO: qui a sáb, 21h; dom, 19h. R$ 50. Classificação: livre. Até 1º de julho. Teatro Poeira – Rua São João Batista, 108 – Botafogo. Tel: 2537-8053.

A Tragédia Silenciosa Das Valsas
Ensaio poético sobre as quatro estações do ano e suas correspondências simbólicas e alegóricas com questões universais e atemporais da alma humana numa perspectiva do sagrado feminino pagão com trilha sonora original ao vivo. Com Kássia de Paula. Da Cia Clã de Teatro Marcabru Aiara. Texto e direção de Marcabru Aiara. SERVIÇO: sex, 18h30. R$ 20. 50 min. De 15 até 29 de junho. Memorial Municipal Getúlio Vargas – Praça Luís de Camões, s/n – Glória.

Vou Deixar de Ser Feliz Por Medo de Ficar Triste?
O espetáculo aborda as várias fases de um relacionamento amoroso, prometendo deliciosas risadas e muita reflexão. Andrea, uma mulher mais “experiente” que casa com Daniel, um rapaz que tem uns bons anos de experiência a menos que ela. O filho de Andrea, Caio, brincalhão e piadista, não se dá bem com “a espécie de irmão mais velho que arrumou”. Com Paula Burlamaqui, Yuri Ribeiro e outros. Texto de Yuri Ribeiro, com direção de Jorge Farjalla. SERVIÇO: sex e sáb, 21h; dom, 20h. R$ 80. 70 min. Classificação: 12 anos. Até 29 de julho. Teatro das Artes – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2540-6004.

Saraiva

———-

INFANTIL

Aventuras Caninas
Adaptação que trabalha com o lúdico e a curiosidade das crianças, tendo interação e música. Dividido em duas partes: “O aniversário surpresa do Cão Policial” e o “Os Aventureiros Perdidos”. O espetáculo tem humor, danças e muita aventura. A Companhia prioriza a qualidade textual e conta uma história com início, meio e fim e não coloca os bonecos apenas no palco. SERVIÇO: sáb e dom, 17h. R$ 60. 50 min. Classificação: livre. Até 1º de julho. Teatro das Artes – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º piso – Gávea. Tel: 2540-6004.

Da Cachola dos Pequenos
Já pensou se as criações de seus filhos virassem história? A Placenta Companhia de Teatro recolheu várias histórias contadas e desenhadas por crianças da baixada, zona norte, centro e zona sul do Rio de Janeiro. Levou para sala de ensaio. Misturou, misturou, misturou e trouxe aos palcos cariocas um espetáculo original inspirado nessa jornada pela cidade e pelas cacholas dos pequenos. Texto de Andressa Hazboun, com direção de Gabo M. Barros. SERVIÇO: sáb, 18h. R$ 30. 50 min. Classificação: livre. Até 30 de junho. Teatro Ziembinski – Rua Urbâno Duarte, 30 – Tijuca.

Dinossauros e Pelancas
Com projeção, música ao vivo e um fio de imaginação sem fim, a peça traz seis atores que estimulam a plateia a viajar no mundo encantado das crianças, onde tudo é permitido. O espetáculo se constrói a partir de brincadeiras inspiradas pelo poder imaginativo da criança, sem barreiras e limites, criando universos novos em que tudo pode acontecer. Assim, surge uma avó que viveu com os dinossauros, a máquina de fazer estrelas que criou o céu, um sanduíche de pipoca, um menino sereia e muitas outras histórias. Com Fernanda Nascimento, Jefferson Zelma e outros. Texto de Clarice Lissovsky e direção de Juliana Linhares. SERVIÇO: sáb e dom, 16h. R$ 20. 60 min. Classificação: livre. De 30 de junho até 8 de julho. Caixa Cultural Rio de Janeiro – Teatro de Arena – Avenida Almirante Barroso, 25 – Centro. Tel: 3980-3815.

Dona Baratinha – O Musical
Conta a história de uma baratinha que depois de falida ganha uma herança de sua avó e muito exigente começa a busca pelo pretendente ideal para o seu grande casamento. Em sua vila, a amiga de Baratinha, Tânia Jura, e uma mosca varejeira muito interesseira, irão ajudá-la nessa difícil missão. Com Aléxia Pires, Jessica Maximo e outros. Texto e direção de Allan Ragazzy. SERVIÇO: sáb, 16h; dom, 15h. R$ 60 (balcão) e R$ 70 (plateia e camarote). 60 min. Classificação: livre. Até 8 de julho. Oi Casa Grande – Avenida Afrânio de Melo Franco, 290 – Leblon. Tel: 2511-0800.

A Fada Azul e a Arca de Noé
O tema abordado é a clássica história da Arca de Noé. O objetivo principal é realizar um espetáculo musical infantil de qualidade. A peça incentiva as crianças a participarem durante e, também, após o primeiro bloco do espetáculo, onde as crianças experimentam os objetos utilizados e recebem desenhos de bichos para colorir. Com Lucianna Martins, Rafa Guttierrez e Nathalia Andrião. Texto e direção de Lucianna Martins. SERVIÇO: sáb e dom, 16h. R$ 50. Classificação: livre. Até 5 de agosto. Teatro Cândido Mendes – Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema. Tel: 2523-3663.

O Grande Circo Místico
Montagem do musical com elenco infantojuvenil, em comemoração aos cinco anos do CEFTEM. O enredo conta a improvável a história de Frederico, um aristocrata, que obrigado a servir como médico do exército, deixa de lado a iminência de um casamento com Charlote e a avassaladora paixão por Beatriz, uma bailarina de circo. Enquanto a guerra avança, o circo é ameaçado e precisa lutar para evitar sua extinção. Músicas de Edu Lobo e Chico Buarque. Texto de Newton Moreno e Alessandro Toller, com direção de Ana Paula Abreu. SERVIÇO: sáb e dom, 16h. R$ 40. 120 min. Classificação: 12 anos. Até 1º de julho. Teatro Cesgranrio – Rua Santa Alexandrina, 1011 – Rio Comprido.Tel: 98266-8666.

Isaac no Mundo das Partículas
A história começa quando o protagonista Isaac vai à praia, segura um pequeníssimo grão de areia e começa a se interessar pelos mistérios universais. O grão de arei ganha vida e, na tentativa de responder a dezenas de perguntas, leva o menino para uma viagem que começa na Grécia e acaba no Cern (Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear). Tudo isso é narrado por um enigmático personagem: a partícula subatômica Bóson de Higgs, um dos mais fundamentais elementos do universo. No elenco, também estão André Arteche e Júlia Shimura, que vivem músicos-partículas e cientistas. Com João Lucas Romero, André Arteche e outros. Baseado na obra homônima de Elika Takimoto. Texto adaptado e direção de Joana Lebreiro. SERVIÇO: sáb e dom, 16h. R$ 50. 70 min. Classificação: livre. Até 1º de julho. Teatro Ipanema – Rua Prudente de Moraes, 824 – Ipanema. Tel: 2267-3750 / 3518-5220.

Nem Tudo Está Azul no País Azul
Baseada na obra de William Shakespeare. A história se passa no País Azul, um reinado onde as cores primárias, comandadas pelo autoritário Rei Azul, não podem se misturar para não perder a pureza de suas cores. No entanto, um decreto não pode controlar a diversidade, o afeto e a amizade. Leo, um rapaz vermelho e Lina, uma moça amarela, quebram essa barreira, casam-se e têm um filho laranja, dando início a esta aventura colorida que transforma o Reino Azul numa linda Aquarela. Com Barbara Pfeiffer, Bruna Knoploch e outros. Texto de Gabriela Rabello, com direção de Henrique Kaladan. SERVIÇO: sáb e dom, 17h. R$ 60. 60 min. Classificação: livre. Até 14 de julho. Teatro dos Quatro – Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52 – Gávea. Tel: 2239-195.

O Pequeno Príncipe Preto
O espetáculo discute o empoderamento e a autoestima de crianças e adolescentes negros que não se vêem representados na maioria dos livros, bonecas e bonecos que lhes são oferecidos. Permeado por canções e brincadeiras, o espetáculo semeia o entendimento sobre a importância da valorização de questões como: diversidade, cultura, amor, generosidade, empatia e respeito, além de ressaltar a influência do aprendizado familiar para que as crianças cresçam fortalecidas. Com Junior Dantas. Texto e direção de Rodrigo França. SERVIÇO: sáb e dom, 16h. R$ 20. 45 min. Classificação: livre. De 9 até 29 de julho. Teatro Glauce Rocha – Avenida Rio Branco, 179 – Centro. Tel: 2220-0259.

Games Mais Vendidos

Comentários

comments

TagsAgendaArmazém da UtopiaBaléBalletCaixa CulturalCasa de BacoCasa de Cultura Laura AlvimCasa RioCCBBCentro Cultural Banco do BrasilCentro Cultural CorreiosCentro Cultural da Justiça FederalCentro Cultural Justiça FederalCentro Cultural LightCentro Cultural Solar de BotafogoCentro Municipal de Arte Calouste GulbenkianComédiaComédia RomânticaCulturadestaquehomeDramaECM Sergio PortoEm CartazEntretenimentoEspaço ArmazémEspaço Cultural Municipal Sérgio PortoEspaço SescEspetáculosFundição ProgressoImperatorInfantilLazerMonólogoMusicalOi FuturoOi Futuro FlamengoOi Futuro IpanemaÓperaParque das RuínasPeçasProgramaçãoR&JRio de JaneiroSala Baden PowellSala Paschoal Carlos MagnoSede das CiasSesc TijucaSolar de BotafogoStand UpSuspenseTeatroTeatro Arthur AzevedoTeatro BradescoTeatro BrasileiroTeatro Café PequenoTeatro Candido MendesTeatro Carlos GomesTeatro CesgranrioTeatro Clara NunesTeatro das ArtesTeatro do JockeyTeatro do LeblonTeatro dos Grandes AtoresTeatro dos QuatroTeatro DulcinaTeatro Eva HerzTeatro Fashion MallTeatro Glauce RochaTeatro Glaucio GillTeatro GonzaguinhaTeatro Henriqueta BriebaTeatro IpanemaTeatro João CaetanoTeatro Maison de FranceTeatro Miguel FalabellaTeatro NacionalTeatro Nathalia TimbergTeatro Nelson RodriguesTeatro Notre DameTeatro PoeiraTeatro PoeirinhaTeatro Princesa IsabelTeatro RiachueloTeatro Rio de JaneiroTeatro Sesc GinásticoTeatro Sesi CentroTeatro XP InvestimentosTeatro ZiembinskiTeenTheatro MunicipalTheatro Net RioThrillerTragédiaVivo Rio
Share: