Veja a lista completa de vencedores do FESTU 2016 – Teatro em Cena
+ TeatroPremiações

Veja a lista completa de vencedores do FESTU 2016

Ramon Brant com o cheque por ter vencido o FESTU 2016 (Foto: Leonardo Torres)

Ramon Brant com o cheque por ter vencido o FESTU 2016 (Foto: Leonardo Torres)

Com plateia cheia, a 6ª edição do FESTU – Festival de Teatro Universitário – chegou ao fim no sábado (8/10), no Teatro Sesi Centro. Os nove esquetes finalistas, selecionados na mostra de 27 cenas, foram apresentados para o público e o júri antes da cerimônia de anúncio dos vencedores. O grande ganhador da categoria melhor esquete foi “Chão de Pequenos”, que recebeu patrocínio de R$ 20 mil, o direito de se apresentar no Festival de Curitiba e pauta para uma temporada no Rio em 2017.

Veja mais fotos da cerimônia de encerramento

O esquete, vindo de um grupo de Belo Horizonte, é baseado em histórias reais, colhidas em entrevistas com várias famílias e pessoas que tem algum tipo de relação com o tema da adoção. Ele também levou os prêmios de melhor direção e texto original para Ramon Brant e Felipe Soares.

Ator recebeu um dos prêmios das mãos de Luisa Arraes (Foto: Leonardo Torres)

Ator recebeu um dos prêmios das mãos de Luisa Arraes (Foto: Leonardo Torres)

Além dele, “Há Fogo nas Montanhas” se sobressaiu no voto popular. Esquete do Rio de Janeiro, ele conta a história de Raul, que não quer crescer. Em cena, esteve o ator Matheus Macena (de “Caranguejo Overdrive”), vencedor do FESTU no ano passado.

Turma de "Há Fogo nas Montanhas": mais votada pelo público (Foto: Leonardo Torres)

Turma de “Há Fogo nas Montanhas”: mais votada pelo público (Foto: Leonardo Torres)

Nas categorias de atuação deste ano, os premiados foram Bruna Martini pelo monólogo “Stanisloves-me” e Cássio Duque pelo esquete de palhaçaria “2 Homens e 1 Dinheiro”. Eles ganharam bolsas de estudos e o convite para participar de um vídeo do Porta dos Fundos. Karina Ramil, parte do elenco do coletivo virtual, era apresentadora do festival – onde já se apresentou e saiu vitoriosa em anos anteriores.

Bruna Martini recebeu prêmio das mãos de Lilia Cabral (Foto: Leonardo Torres)

Bruna Martini recebeu prêmio das mãos de Lilia Cabral (Foto: Leonardo Torres)

Cássio Duque convidou o colega de cena para receber prêmio com ele (Foto: Leonardo Torres)

Cássio Duque convidou o colega de cena para receber prêmio com ele (Foto: Leonardo Torres)

O júri foi formado por Lilia Cabral, Monique Gardenberg, Tomás Ribas, Rosane Svartman, Berna Ceppas, Deborah Colker, Marcelo Marques, Thanara Schonardie, Johnny Massaro, Luísa Arraes e Jéssica Ellen. “Gostei muito da maturidade dos trabalhos, mesmo sendo trabalhos universitários. É uma galera jovem que está vindo com muito para dizer”, comentou Jéssica, em entrevista ao Teatro em Cena, “a ideia do festival é ser feita por jovens para jovens, para trocar, agregar e se experimentar”.

Confira a lista completa completa de vencedores:

Melhor esquete: Chão de Pequenos (Cefart)
Júri popular: Há Fogo nas Montanhas (CAL/UNIRIO/O Tablado)
Melhor direção: Ramon Brant e Felipe Soares – Chão de Pequenos (Cefart)
Melhor atriz: Bruna Martini – Stanisloves-me (Unb)
Melhor ator: Cássio Duque – 2 Homens e 1 Dinheiro (UNIRIO/ETET Martins Penna)
Melhor texto original: Ramon Brantes e Felipe Soares – Chão e Pequenos (Cefart)
Melhor direção de movimento: Cia. Os Brincantes – País das Maravilhhas (UCAM)
Melhor iluminação: Gabriel Pietro – Do Fim Para Frente (UCAM)
Melhor cenário: Cia. Pá – Procura-se Profundidade (UNIRIO)
Melhor figurino: Dora de Assis – Do Fim Para Frente (UCAM)
Melhor trilha original: Rodrigo Trindade – Do Fim Para Frente (UCAM)

Comentários

comments