Corre o risco dos cariocas ficarem sem ver “God”, espetáculo importado da Broadway com versão, atuação e direção de Miguel Falabella. O ator conta ao Teatro em Cena que dificilmente trará a montagem para o Rio de Janeiro, porque não é economicamente interessante. “É muito caro teatro no Rio. Os aluguéis estão loucos, fora da realidade. A cidade empobreceu muito. Talvez eu faça um mês, que é o que comporta, mas acho que não”, critica.

(Foto: Divulgação)

“God” estreou no Teatro Abel, de Niterói, em 2016 e passou por Belo Horizonte, Curitiba, Campinas, Brasília, Porto Alegre e São Paulo. No espetáculo, Miguel Falabella interpreta Deus e divide a cena com dois atores, que fazem os arcanjos Gabriel e Miguel. Na história, Deus é obrigado a visitar a Terra porque os seres humanos não são nada competentes para manter tudo funcionando conforme o planejado. O texto é de David Javerbaum e ganhou atuação de Jim Parsons (2015) e Sean Hayes (2016) na Broadway.

Para quem gosta dos trabalhos de Falabella, há uma esperança de ver algo no Rio. Ele está creditado como diretor na ficha técnica da versão nacional do musical “Peter Pan”, também da Broadway. O projeto está em fase de captação pela produtora Fábula Entretenimento. “Se levantarem dinheiro, vou dirigir. Quero fazer, como sempre, uma coisa original, como fiz em ‘O Homem de La Mancha’, que misturei Bispo do Rosário com Homem de La Mancha. Talvez eu faça um Peter Pan tropicalista”, revela.