A montagem brasileira de “Peter Pan”, importado da Broadway, não será mais dirigida por Miguel Faleballa (de “O Homem de La Mancha”). A produção emitiu nota oficial neste domingo (2/7) informando que ele se desligou da equipe criativa, em decorrência de outro compromisso previamente agendado. “Um filme que ele vem batalhando durante anos. As datas de ambos os projetos coincidiram, o que impossibilitaria a execução profissional e perfeita dos mesmos”, diz o texto da produtora Fábula Entretenimento.

(Foto: Divulgação)

Pelo Facebook, Miguel Falabella também se pronunciou: “a quem interessar possa: não faço mais parte da equipe de Peter Pan e minha saída do espetáculo deveu-se unicamente à mudança de datas de meu filme, um compromisso assumido anteriormente. Muito obrigado. Um bom domingo a todos”.

“Peter Pan” era para acontecer neste ano, mas foi adiado para 2018, o que levou à incompatibilidade de agendas. Nas últimas semanas, diretor e produção tentaram negociar uma maneira de viabilizar e manter a parceria, mas não foi possível. Miguel Falabella já era o segundo nome anunciado para “Peter Pan”: antes dele, os primeiros escalados foram Charles Möeller e Claudio Botelho, que trabalharam com a Fábula na montagem brasileira de “Cinderella”.

Apesar de estar “sem direção” no momento, as audições do musical estão confirmadas para agosto. A produtora recebe inscrições para os testes de elenco até o dia 18 de julho. Confira detalhes aqui!