(Foto: Divulgação)
A Biblioteca Popular José de Alencar, no Centro Cultural Municipal Laurinda Santos Lobo, em Santa Teresa, reabriu suas portas e sedia a mostra de dramaturgia “Clareira”, dando espaço para novos autores. Desde o sábado passado, o local recebe um ciclo de leituras, com entrada franca. A cada fim de semana, o texto de um autor é lido por um grupo teatral diferente.

– Fala-se muito sobre uma suposta crise da dramaturgia contemporânea, mas existem muitos autores novos produzindo. Falta espaço para mostrar o trabalho que já existe. – defende o ator e diretor Ricardo Cabral, curador do projeto com a atriz e produtora Camila Costa.

A estreia se deu com “Útero”, de Bernardo Winitskowski, lido pelo grupo Casa Vazia. O próximo texto será “No Lugar da Casa”, de Marina Monteiro, com leitura a cargo do Grupo Barka. Confira a programação completa:

15 de abril – “No lugar da casa”, de Marina Monteiro (leitura do grupo Barka)
22 de abril – “Max”, de Ricardo Cabral (leitura do Brecha)
29 de abril – “Ball boys”, de Gui Stutz (leitura do coletivo Errante)

_____
SERVIÇO: sáb, 19h. Entrada franca. 60 min. Classificação: livre. Até 29 de abril. Centro Cultural Municipal Laurinda Santos Lobo – Rua Monte Alegre, 306 – Santa Teresa. Tel: 2215-0618.