(Foto: Aline Macedo)

Teatro adulto à tarde? Sim. O musical “Elizeth, a Divina” tem feito apresentações toda quarta-feira às 17h (além das quintas às 19h) no Teatro Maison de France, no Centro. A alternativa visa atender um público específico, que não gosta de circular à noite. O espetáculo relembra momentos da carreira da cantora Elizeth Cardoso (1920-1990), sucesso nos anos 1950 e 1960, atraindo principalmente idosos e idosas saudosos daquela época.

Elizeth Cardoso é interpretada por Izabella Bicalho, vencedora dos prêmios APTR, Contigo e Qualidade Brasil por “Gota D’Água”. No palco, ela vive passagens marcantes da vida da artista, com dramaturgia de Cora Carvalho, inspirada no livro biográfico “Elisete Cardoso, uma Vida”. “Elizeth foi uma grande mulher à frente do seu tempo. Uma guerreira do amor, uma mulher empoderada quando ainda nem sonhávamos em falar disso. Mergulhar no seu universo é penetrar no melhor da música brasileira. Ary Barroso, Vinicius de Moraes, Chico Buarque e muitos outros compositores dedicaram suas composições à cantora”, destaca a atriz.

O espetáculo conta ainda com Dennis Pinheiro (de “Yank! O Musical”), Cilene Guedes (de “Yank! O Musical”) e Jefferson Almeida (de “Bilac Vê Estrelas”) no elenco, dirigidos por Sueli Guerra (de “Pequenas Peças” e “Um Musical de Palhaças”). “Acredito na relevância de levar ao público a história das grandes divas da música popular brasileira, muitas vezes esquecidas. A história delas traça o contorno da evolução da nossa representatividade e da voz feminina na música”, diz a diretora, “ela foi a primeira cantora popular a pisar o palco do Municipal, mas também subiu o morro para valorizar os jovens compositores de então”.

(Foto: Aline Macedo)

_____
SERVIÇO 1: qua, 17h; qui, 19h. R$ 50. 120 min. Classificação: livre. Até 16 de agosto. Teatro Maison de France – Avenida Presidente Antônio Carlos, 58 – Centro. Tel: 2544-2533.