Diretor do Criança Esperança é contratado para musical Cinderella

“Cinderella”, de Rodgers e Hammerstein, já tem um diretor novo. A produtora Fábula Entretenimento anunciou a contratação de Ulysses Cruz – de “Tribos”, “O Camareiro” e também os shows do “Criança Esperança” – para substituir Ernesto Piccolo (de “Andança – Beth Carvalho, o Musical”) na função. Ernesto se desligou do projeto por divergências criativas, com direito a desabafo público no Facebook.

(Fotos: Reprodução)

(Fotos: Reprodução)

O elenco será anunciado na próxima quarta (25/11), com cinco dias de atraso com relação ao previsto inicialmente. A última etapa das audições ocorreu no Rio de Janeiro, no dia 18, e consistiu em testes de interpretação. Nem Ernesto nem Ulysses participaram da banca avaliadora. Ernesto participou das outras etapas, que consistiram em testes de dança e canto, e também no teste de interpretação com os candidatos de São Paulo.

Bastante aguardado, “Cinderella” estreará em 26 de fevereiro no Teatro Alfa, em São Paulo. Depois, a peça seguirá para temporada no Rio de Janeiro, de acordo com a produção. Na Broadway, o musical do conto de fadas clássico ficou dois anos em cartaz, com nove indicações ao Tony Awards e três vitórias no Drama Desk Awards.