O ator Fábio Nunes (de “Em Caixa de 4”) realizou nesta semana uma leitura dos novos esquetes da peça “Ninguém Mais Vai Ser Bonzinho”. Ele é autor das cenas, juntamente com Mariana Rebelo (de “Aversão – A Comédia”), que assina a direção do espetáculo do grupo Os Inclusos e os Sisos – Teatro de Mobilização, uma iniciativa da Escola da Gente, fundada por Claudia Werneck.

(Foto: Reprodução / Facebook Escola da Gente)
(Foto: Reprodução / Facebook Escola da Gente)

“Ninguém Mais Vai Ser Bonzinho – Esquetes” passará por Açailândia, no Maranhão, Marabá, no Pará, Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, Governador Valadares e Itabirito, em Minas Gerais, e Mangaratiba, no Rio de Janeiro, entre agosto e outubro. A peça dará continuidade aos projetos de inclusão e acessibilidade que caracterizam o grupo, iniciado pela atriz Tatá Werneck (de “DEZnecessários”), filha de Claudia. As apresentações contam com visita guiada ao cenário, folder em braile e letra ampliada, além de intérprete de sinais, audiodescrição e legenda eletrônica durante as apresentações.

A primeira versão do espetáculo foi o primeiro a cumprir os decretos federais e legislativos que garantem oferta de acessibilidade física e comunicação para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. A peça estreou em 2007 e circula desde 2009 por diversos estados, sempre com total acessibilidade.