Um livro do escritor português Valter Hugo Mãe será adaptado para os palcos: “A Desumanização”. O projeto tem direção de José Roberto Jardim (de “Não Contém Glúten”) e conta com Fernanda Nobre no elenco. A atriz está em alta após o sucesso de “O Corpo da Mulher Como Campo de Batalha”, que lhe rendeu uma indicação ao Prêmio Shell.

Fernanda Nobre, indicada ao Prêmio Shell (Foto: Leonardo Torres)

No livro, uma pré-adolescente da Islândia conta o que lhe resta após a morte de sua irmã gêmea. A obra reflete sobre a morte e a solidão. Em Portugal, “A Desumanização” vendeu mais de 35 mil exemplares até o ano passado. “Vai ser o primeiro livro dele que vai virar teatro no Brasil”, pontua Fernanda Nobre.

A data de estreia do espetáculo ainda é incerta, mas a atriz diz que “é para breve”. A produção está em negociação com o Sesc.