(Foto: Divulgação)

O musical voltado para o público juvenil “Cinco Júlias”, que ficou em cartaz por apenas dois meses em 2016, está sendo adaptado pelo dramaturgo e cineasta Matheus Souza (de “Stand Up”) para um livro e um filme. O anúncio foi feito por ele mesmo via Instagram.

Na peça, um grupo de hackers invade o banco de dados dos principais aplicativos e redes sociais e expõe todas as conversas, de todas as pessoas do planeta, em um site chamado uleaked.com. Em meio a este caos, cinco garotas, todas chamadas Júlias, se conhecem – cada uma fugindo de um problema pessoal catalisado pelo uleaked.com. A história trata de bullying, suicídio, nudes, infidelidade, homofobia e dramas familiares.

(Foto: Daniel Chiacos / Paprica Fotografia)

O livro será lançado na Bienal do Livro do Rio de Janeiro, que acontece entre agosto e setembro. A publicação está a cargo da editora Seguinte, o selo da Cia. das Letras voltado para o público jovem. “São 328 páginas influenciadas por Nick Hornby, Miranda July, Tina Fey, letras do Stephin Merritt e monólogos da Shonda Rhimes”, diz o autor.

Já o filme é previsto para 2020 no cronograma da produtora Spray Filmes. É a mesma por trás do documentário “Quebrando o Tabu” e da série “Carcereiros” (2017). Matheus Souza, como diretor, tem longa experiência com o público juvenil. Já escreveu e dirigiu os filmes “Apenas o Fim” (2008) e “Ana Vitória”, entre outros, além de ter assinado o roteiro da versão cinematográfica de “Confissões de Adolescente” (2013).