O espetáculo “Antologia do Remorso”, que apresenta casos de violência e discute a degradação das relações cotidianas, vai ficar mais tempo em cartaz no Teatro Gonzaguinha, na Cidade Nova. A temporada foi prorrogada até 30 de agosto, com ingressos a R$ 20, e entrada franca para participantes de projetos sociais de cultura e estudantes da rede pública. Estudantes de teatro de qualquer instituição também contam com promoção: entrada a apenas R$ 1.

(Foto: Rodrigo Daboit)
(Foto: Rodrigo Daboit)

A tragicomédia põe em cena contos escritos por Flávia Prosdocimi (de “Sobre Nós”), sem qualquer tipo de adaptação dramatúrgica. Três atores – Elisabeth Monteiro (de “Féna Parada”), Gustavo Barros (de “Quem Sabe Aqui”) e Tiago D’Avila (de “Lili, Uma História de Circo”) – se revezam entre narradores e personagens, montando uma trama sobre a passionalidade das relações amorosas de uma forma sarcástica. O material de divulgação fala em influência do cinema noir e do universo rodrigueano.

A direção do espetáculo é de Daniel Belmonte, que venceu o FESTU 2013 como melhor diretor e já montou também “Peça Ruim” e “Uma Carta Perdida”. A produção é da própria Flávia Prosdocimi, em parceria com Tiago Mantovani, por meio da Amoreira Cultural.

_____
SERVIÇO: sex e sáb, 20h; dom, 19h. R$ 20. 60 min. Classificação: 14 anos. Até 30 de agosto. Teatro Gonzaguinha – Centro Municipal de Arte Calouste Gulbenkian – Rua Benedito Hipólito, 125 – Cidade Nova. Tel: 2224-3038.