Peça Qualquer Gato Vira-Lata… ganha “webesquetes”

O espetáculo “Qualquer Gato Vira-Lata Tem uma Vida Sexual Mais Sadia Que a Nossa” ganhou uma nova forma de divulgação. Além de cartazes, filipetas, entrevistas e promoções, a produção da peça está investindo na Internet, com a criação de uma espécie de websérie com os atores do elenco: Monique Alfradique (de “A Garota do Biquini Vermelho”), Marcos Nauer (de “Um Amigo Diferente?”) e Victor Frade (de “Quero Minha Mulher de Volta”).

A estratégia é simples e, como o texto de Juca de Oliveira, aposta no bom humor. São esquetes, de no máximo 15 segundos, com tiradas sobre o jogo do Brasil no Dia dos Namorados; narcisismo no espelho do motel; e desculpas esfarrapadas para macular uma traição, por exemplo. Todos têm direção do Victor Frade. Confira os vídeos divulgados até o momento:

Na comédia romântica, Tati termina o namoro e se refugia no auditório da faculdade para chorar, sem perceber que está no meio de uma palestra sobre o evolucionismo de Darwin. Intrigada com o tema, ela convence o professor de que é a materialização de sua tese e pede sua ajuda para reconquistar o amado. A mesma história já foi adaptada para o cinema em 2011, com Cleo Pires no papel principal.

A temporada da peça, que tem direção de Bibi Ferreira, vai até o fim de setembro no Teatro Vannucci, no Shopping da Gávea. As sessões vão de quinta a sábado às 21h30 e domingo às 20h30. Os ingressos custam R$ 80 todos os dias, com exceção do sábado, quando é vendido por R$ 90.