É terça-feira e ainda repercute a participação da Marieta Severo (de “Incêndios”) no “Domingão do Faustão”. Incitada pelo apresentador, a atriz fez um posicionamento político, com um discurso contrário ao dele, e virou viral no Facebook. Agora, Luana Piovani (de “Mania de Explicação”) usa o Instagram para dar sequência ao debate iniciado no palco do dominical: “que fonte de esperança é essa que bebe a diva Marieta?”.

(Fotos: Divulgação / TV Globo)
(Fotos: Divulgação / TV Globo)

Como amplamente divulgado, a veterana disse no programa que é uma verdadeira otimista e que tem esperança de que o Brasil vai superar a atual crise – porque “já tivemos outras”. “Acho que o país caminhou muito nesses últimos anos. Para mim, tem uma coisa muito importante, que é a chamada inclusão social, luta contra a desigualdade. É claro que a gente tem que estar com uma economia equilibrada para isso continuar acontecendo, mas a gente teve muito isso nos últimos anos. Isso fala à minha alma”. A declaração foi tomada como uma defesa do governo do PT, embora a atriz não tenha mencionado a sigla do partido em nenhum momento, nem indiretamente. Mas o viral é disseminado como uma ferroada do partido, representado por Marieta, na oposição, encarnada na figura do Fausto Silva. Ele disse que “a única coisa que é organizada no Brasil é o crime”.

Luana Piovani segue a linha de raciocínio do apresentador. No Instagram, ela compartilhou a notícia do assassinato de um jovem entregador de pizza no Morro da Coroa, no Rio Comprido, e escreveu: “é bonito falar bonito, mas a realidade… Ó. Que otimisto? De que crise que vamos sair? A econômica? Se devolverem o dinheiro roubado da Petrobras, os lava jatos todos, já dá para começar a reformar umas instituições, reformar umas escolas… Mas que fonte de otimismo é essa que bebe a diva Marieta? Preciso me banhar nela… Não aguento mais tantas mortes ao meu redor, tanto descaso”.

[fbvideo link=”http://www.facebook.com/sidhy.sampaio/videos/1023915324299424/” width=”615″ height=”400″ onlyvideo=”1″]

Em seguida, ela postou outra foto do jornal do dia, destacando a lembrança de que o secretário de propaganda do Hitler dizia que as pessoas passam a acreditar em algo que é incessantemente repetido (por mais falso que seja). Na descrição, ela usou a hashtag #dilmanopaísdasmaravilhas e se posicionou: “Olha aí um fato que tem a ver com o país das maravilhas que muitos aqui no Brasil vivem e eu tô de lupa procurando… Tudo nessa vida é saber usar as palavras”.

Não é a primeira vez que Luana Piovani, mãe de um menino e grávida de gêmeos, lamenta o noticiário. No mês passado, ela comentou o esquema de corrupção na CBF e, no mês anterior, publicou notícias sobre faculdades sem verba, demissões em massa e maus atos de polícia. “Sem segurança, sem emprego e sem educação. Mas tudo bem. A tanajura da Kim Kardashian veio lançar sua coleção de roupas aqui, faturou bilias (sic) e nem trânsito pegou porque só se locomoveu de helicóptero. Vejam como Brasil tá em alta. Quem quer sair desse barco levanta a mão!”, ironizou.