Stepan Nercessian e Leo Bahia dividem papel de Chacrinha em diferentes fases da vida (Foto: Robert Schwenck)
Stepan Nercessian e Leo Bahia dividem papel de Chacrinha em diferentes fases da vida (Foto: Robert Schwenck)

“Chacrinha – O Musical” começou a ser ensaiado no Teatro Alfa, em São Paulo, nesta semana, mas já está acertado: vai voltar para o Rio de Janeiro para uma segunda temporada. O produtor e empresário Luiz Calainho, da Aventura Entretenimento, acredita que seja inevitável trazer a peça de volta para a cidade após o enorme sucesso de público no Teatro João Caetano, na Praça Tiradentes. 80 mil pessoas viram o espetáculo no Rio.

“Em algum momento, vamos retornar, como fizemos com a Elis [a Musical]. Quem não assistiu vai poder ver quando voltar”, disse Calainho, em coletiva de imprensa realizada na terça (17/3), no Teatro Oi Casa Grande, no Leblon. Ele não informou quando o musical volta para a cidade, mas isso não acontecerá antes do meio do ano. A temporada paulista está acertada até 26 de julho.

“Chacrinha – O Musical”, nesta semana, recebeu um Prêmio Shell de melhor figurino para Claudia Kopke. Ele ainda concorre nas categorias figurino e cenário no Prêmio APTR, que será realizado na semana que vem. O espetáculo tem direção do cineasta Andrucha Waddington e dramaturgia de Rodrigo Nogueira, de “Rock in Rio – O Musical”. Em cena, Leo Bahia (de “Ópera do Malandro”) e Stepan Nercessian se dividem entre os papeis de Abelardo Barbosa, o jovem, e Chacrinha, o personagem do comunicador.